Autocolantes de Software Livre

Free Software Sticker Book

Gentoo Sticker  Assim que tomei posse do meu portátil, a primeira coisa que fiz foi remover os autocolantes da Microsoft, Intel, etc…, que vinham com ele. E ainda não tinha encontrado nada para preencher o espaço que ficou vazio, até hoje!
  Hoje durante umas pesquisas, descobri um projecto chamado Free Software Sticker Book que disponibiliza vários autocolantes sobre software livre. Neste momento tem dois catálogos, feitos com a ajuda da comunidade, com vários autocolantes.
  Agora vou poder criar um autocolante da minha distribuição de eleição, o Gentoo, utilizando o autocolante que está no segundo volume. Quando comprar o papel autocolante e fizer o sticker, mostro como ficou. 😛

5 Comentários

Rescaldo da Lan Party Moita 2008

  E mais uma LPM chegou ao fim… Correu tudo bastante bem, a rede e serviços estavam a funcionar um dia antes da abertura do evento. O ano passado demorei 2h depois da abertura do evento para ter tudo a funcionar. Mas este ano com a ajuda da minha imagem baseada no Gentoo e do script de instalação que fiz, bastaram uns 30 minutos para instalar e configurar os servidores :)

  Já tirei mais umas notas para a próxima versão da imagem para as coisas ficarem ainda melhores.. Então que venha a próxima 😉

Comentar

Converter nomes de ficheiros com o convmv

  Ao mover tanto as minhas músicas de um lado para o outro (e entre vários sistemas de ficheiros) alguns dos nomes dos ficheiros ficaram com caracteres ilegíveis, nomeadamente as letras "portuguesas".
  Uma solução seria corrigir manualmente o nome de cada ficheiro, mas como ainda são uns quantos ia demorar uma eternidade. Foi aí que ao pesquisar por uma solução mais prática descobri o convmv.

  O convmv é um programa feito em Perl que converte o nome dos ficheiros (e não o conteúdo) entre diferentes codificações de caracteres.
  Para o instalar no meu Gentoo bastou um "emerge convmv" e ficou pronto a usar. Chamando o programa com a opção –list temos acesso à lista das várias codificações que o programa consegue utilizar, entre elas temos a que eu estava a precisar: utf8 e iso-8859-1 (vulgo latin1).

  Bastou me então executar o comando convmv -f latin1 -t utf8 -r /mnt/musica (em que o -f é para referir de que codificação queremos converter, o -t para a que queremos converter e -r para utilizar recursividade) e ele mostrou-me quais os ficheiros e directorias ia converter e os seus novos nomes, e para aplicar bastou adicionar o parâmetro –notest. E pronto fiquei com os ficheiros e directorias com todos os nomes certinhos. 

2 Comentários

Gentoo 2007.0

Gentoo Logo (Small)  Após alguns atrasos, a equipa do Gentoo lançou o Gentoo 2007.0, com nome de código "Secret Sauce".  Esta versão contém uma versão totalmente rescrita do instalador para o LiveCD do x86 e amd64. Também inclui o GNOME 2.16.2, KDE3.5.5, Xfce 4.4, Mozilla Firefox 2.0.0.3, OpenOffice.org 2.1.0, e o Kernel 2.6.19.

  Podem ver a press release completa no sítio oficial (Em Inglês). E para fazer download desta versão basta ir ao site do gentoo, ou a um mirror nacional.

8 Comentários

Technorati Profile